8 Comentários

Renda-se às rendas!

Raquel-Amorim-vestido-noiva-renda-chantilly-05As rendas estão em alta e deixam a mulher ainda mais romântica e feminina. Podemos ver as rendas nas roupas, acessórios, no cabelo e até nos sapatos. A palavra renda tem três significados.

A renda feminina é aquele tecido vazado, formando flores ou outras figuras igualmente românticas. A segunda renda é quanto a pessoa ganha ou faz de grana com o trabalho e a terceira renda  vem do  verbo render, que na verdade é reflexivo, ou seja, render-se. Ninguém pode render outra pessoa, apenas a si mesmo.

Se um assaltante chega com uma arma e obriga alguém a se render, nem assim ele pode fazer com que o outro se renda a não ser que este o queira. Geralmente a pessoa se rende porque não quer perder sua vida e mesmo que achando um absurdo, se rende e entrega tudo que tem para não morrer e, infelizmente, muitos já morreram porque não se renderam. Interessante isto, porque no nosso relacionamento com Deus, nas coisas espirituais é o contrário. É exatamente para termos vida que precisamos nos render a Ele.

Muitas vezes gastamos toda nossa renda do mês para adquirir as rendas que estão na moda, mas não nos rendemos à vontade de Deus. Temos dura cerviz, somos orgulhosas e queremos tudo do nosso jeito. Não nos humilhamos, não nos quebrantamos, não ouvimos conselhos e não deixamos Deus fazer como e quando Ele quer. Se observarmos a renda (tecido), vemos como ela é sensível, vazada, macia e maleável.  Assim nós também devemos ser diante de Deus e das pessoas, ter sempre um coração quebrantado, vazado, rendado aliás, rendido… A Bíblia nos ensina em Salmo 51.17 que um coração quebrantado e contrito, rendido, Deus não desprezará.

A mulher moderna está correndo um sério risco de se tornar cada vez mais segura de si, autoconfiante, independente até mesmo de Deus. Estuda mais e se capacita melhor, por isso, pensa que pode decidir sua vida sozinha e que sabe o que é melhor para ela. Mesmo conhecendo a Deus e Sua palavra, não ora e busca a vontade e a orientação de Deus para nada e muitas vezes cisma com alguma coisa ou alguém e não abre mão.

Conheço moças que olham um rapaz e o colocam como alvo de oração para ser seu marido, mas não perguntam para Deus o que Ele pensa ou quer, em vez disso, bate o pé, fazem mil jejuns e campanhas, muitas vezes o rapaz nem sabe que ela existe e quando de repente ele aparece com outra, ela ainda se revolta contra Deus; outras que querem ser mães e claro, todas têm o direito de querer, mas algumas já estão até na menopausa e creem que Deus vai lhes dar filhos. Deus pode, claro que pode, nada é impossível para Ele, mas Deus também respeita a natureza, muitas vezes, Ele quer ver até onde vai o amor que estas pessoas têm por Ele e, além disso, DEUS também tem seus caminhos que muitas vezes não são os nossos, como a adoção, por exemplo.

São tantas situações que nos mostram o quanto muitas vezes, não queremos nos submeter à vontade de Deus e sim que Ele se submeta a nossa. Quando amamos e confiamos totalmente no Senhor, sabemos que o que Ele quer e tem para nós é sempre melhor do que pensamos ou desejamos.

Entre na moda da renda. Renda-se ao amor e cuidado de Deus, entregando tudo a Ele, sem segurar ou reter nada. Entregue suas cismas, paradigmas, desejos, vontade própria, sonhos, enfim, TUDO e creia que Ele sabe muito bem o que fazer com tudo isto. Você será feliz e fará os que o cercam felizes também.

Leia e medite no Salmo 37.1-7

Fotos: Internet