3 Comentários

Breno Tonon fala sobre novo CD “Além da Superfície”

Breno Tonon / Foto: Arquivo Pessoal

Breno Tonon / Foto: Arquivo Pessoal

Filho da terceira geração de cristãos da família, Breno Tonon representa muito bem o legado de fé do seu lar. Além de exercer o chamado pastoral na Igreja Batista da Lagoinha, ele atua na área da adoração desde os 15 anos. Atualmente, mantém parceria com a cantora Nívea Soares, com quem já gravou diversos episódios do Programa “Lugar Secreto”, exibido pela Rede Super de TV. Breno agora vive um novo momento no ministério com o lançamento do seu primeiro trabalho solo, “Além da Superfície”. O álbum conta com a participação especial da cantora Nívea.

Além de cantar, você é pastor e também atua em outras áreas ministeriais. Como concilia tudo isso?

Sou músico, pastor e líder do ministério Coneecteen, que é uma ponte entre os adolescentes e a Mocidade. Também sou um dos voluntários do projeto Sertão livre, do Juliano Son. Temos somente uma vida para viver, e acho que temos que dedicá-la intensamente a Ele. Como participo de vários ministérios, procuro conciliar tudo para que as coisas se encaixem da melhor forma.

O que a Nívea Soares representa em seu ministério?

A Nívea é minha pastora e o Gustavo (esposo da Nívea) é o meu melhor amigo. Eles cuidam de mim e da minha esposa. Comecei ajudando na equipe de louvor da Nívea, e hoje ela é minha madrinha ministerial. Andar com as próprias pernas será uma consequência do aprendizado que tenho com ela, pois a Nívea é um exemplo. E dentro da minha personalidade, linguagem e música tento adaptar a mensagem do evangelho da mesma forma como ela faz, sendo fiel a Cristo. Também tento colocar Jesus no centro de tudo.


Como surgiu o CD “Além da superfície”?

Eu tinha uma banda referência jovem e cheguei a gravar três discos com ela. Era o vocalista e quando a banda terminou comecei a escrever canções, mas não tinha intenção de gravá-las. O tempo passou e com esse material que guardei surgiram novas canções. Em meio a muito choro, joelhos dobrados e tardes em cima do violão, o trabalho foi surgindo. Creio que esse CD é algo que Deus me confiou para que eu possa contribuir com o plano dEle.

Qual mensagem você quer passar por meio desse trabalho?

Esse CD vem na contramão do que a sociedade prega hoje, que é a superficialidade. Ninguém mais se relaciona de uma maneira profunda, tudo é muito raso e superficial. E quando esse contexto de superficialidade entra na igreja, temos como resultado pessoas vazias que esperam que Deus resolva os problemas delas imediatamente. Elas se esquecem da eternidade e que precisam se preparar como noivas para o Grande Dia. Por isso, esse disco têm essas duas mensagens principais: a profundidade em Cristo e a eternidade, que trata a volta de Cristo e nossa postura como Noiva.

Nesse disco, quais canções são mais especiais para você, e por qual motivo?

Breno Tonon / Foto: Arquivo Pessoal

Breno Tonon / Foto: Arquivo Pessoal

Até um dado momento não entendia a importância do relacionamento com Deus. Em uma tarde, peguei o violão e com a sensação de ter sido atingido por um raio, comecei a cantar “Sua presença é tudo”. Em lágrimas, declarei essa frase por umas três horas, até que compreendi que precisamos nos relacionar com Cristo e estarmos Nele. Outra canção é a “Meu Deus”, que tem um tom de crítica, pelo fato de nos achegarmos até Deus somente para buscarmos a bênção. E a outra música especial foi a que levou o título do trabalho “Além da superfície”. Nela tem a participação da Nívea Soares e trata sobre a questão de mergulhar em Cristo e em tudo o que Ele é.

A produção foi bem elaborada e contou com gravações em outros países e participações especiais. Conte sobre isso.

Quem produziu o CD foi o Gustavo Soares, esposo da Nívea. Ele fez o CD com tudo que tem de melhor. Na canção “Sua presença é tudo” gravamos com a orquestra sinfônica de São Petersburgo, na Rússia, o que valorizou o trabalho. Teve também a participação de um trio vocal, liderado pela Janeh Magalhães.

Além disso, o trabalho foi masterizado nos Estados Unidos por Chris Athens, que fez várias produções de artistas internacionais. O CD também tem a participação especial do maestro Eneias Xavier, que, inclusive, já participou dos ministérios Diante do Trono e Nívea Soares. Então, é um CD que me surpreendeu, pois nem no meu melhor sonho imaginei isso. Outro ponto marcante desse trabalho foram os clipes gravados na Finlândia, Noruega e Suécia.

::Raissa Sossai