Nenhum Comentário

Como nós

Leia: 1 Reis 18.41-46

Agimos pelo bem e o mal parece prevalecer. Pregamos as Boas Novas e o mundo parece desmoronar. Que desânimo! Mesmo depois da pregação de Elias e de seus milagres, ainda havia pessoas a rejeitar o Senhor. Queriam até matar Elias. Tudo acabado. O Senhor não tinha mais ninguém, a não ser Elias, e não havia futuro para a fé… Elias pensava assim, em parte, porque estava desgastado fisicamente. Elias precisava desesperadamente dormir, comer e retirar-se para estar a sós com Deus. Como Elias, também precisamos descansar, nos alimentar, revigorar nosso espírito e nos sintonizar melhor com Deus. Às vezes, Ele vem com ventos e terremotos; outras, vamos encontrá-lo no silêncio ou em um simples sussurro. Deus deu a Elias um tempo para que chorasse suas mágoas. Depois, Deus pôs um fim à sua auto-piedade e mandou-o de volta ao trabalho.

A causa do Senhor jamais iria falhar! Os que quebraram o pacto cairam diante dos futuros reis que Deus havia escolhido. O futuro da fé em Deus não dependia de Elias. Eliseu iria ajudá-lo, assumindo, mais tarde, o seu lugar. Elias não estava só. Deus sempre tem um "remanescente escolhido pela graça." (Romanos 11.5). Sete mil pessoas não se ajoelharam diante de Baal. Outros, arrependidos, voltaram para o Senhor, por causa da pregação de Elias.

Pense:

Quando o corpo se desgasta, o espírito se apaga. Precisamos des férias e de recolhimento espiritual.

Ore:

Senhor, ajuda os que se sentem vencidos, solitários, prontos a desistir da vida. Reanima o nosso corpo e revigora o nosso espírito; renova a nossa missão. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia

www.cadadia.com.br