Nenhum Comentário

Igreja Criativa: cultivando a criatividade em tempos de crise

[Foto: unsplash.com]

[Foto: unsplash.com]

Quando mais jovem, não pude estudar design ou aprender uma nova língua. Tinha dois empregos e estudava durante o dia. Rapidamente, percebi que não era o dinheiro que me faria bem-sucedido, mas, sim, uma mente criativa, que me tiraria do chão, levando-me a ser um visionário e líder. Muitas vezes, limitamos o nosso sucesso porque acreditamos que dinheiro e posição nos ajudarão a ser um sucesso neste mundo.

Cultivar a criatividade em tempos de crise é o que irá não somente te ensinar, mas inspirar outros a te seguirem. A criatividade é o suplemento que ativará algo em você para fazer o que ainda não fez. A criatividade fortalecerá seus sentidos e te fará procurar maneiras de realizar o que nem mesmo com o dinheiro conseguiria.

Começar o crescimento na liderança significa que você precisará ser criativo em superar as dificuldades diárias. Não importa onde você está hoje, todos podemos nos beneficiar aprendendo sobre esse assunto. Para encarar os maiores desafios da vida, precisamos cultivar um pensamento criativo. Em tempos de crise, você precisa explorar toda boa ideia que tiver. E, claro, a melhor hora para aumentar sua criatividade é antes que a crise ocorra. Isso pode ser feito estabilizando a disciplina do pensamento criativo.

Mas o que fazer?

1 – Passe tempo com pessoas criativas

Crie um hábito, dentro e fora do trabalho, de passar tempo com criativos. Deixe que a maneira de pensar sobre o desafio deles influencie a sua.

2 – Procure pelo óbvio

Ao resolver problemas, muitos de nós cometemos o erro de procurar pela “grande” solução. Criatividade significa explorar todas as ideias, inclusive, as óbvias e aparentemente insignificantes. Frequentemente, a solução mais simples é a melhor.

3 – Seja irracional

A lógica e a criatividade podem trabalhar bem juntas, mas, às vezes, o pensamento racional impede o ser criativo. Esteja disposto a considerar ideias irracionais. Na maioria das vezes, elas expandem seu pensamento e levam a progressos que você talvez não teria de outra maneira.

4 – Pratique agilidade mental

A criatividade requer flexibilidade. O pensamento rígido e burocrático vai à direção oposta à inovação e criatividade. Então, crie o hábito de considerar todas as ideias, não importa o quão difícil pareça implementá-las ou quantas mudança elas requerem.

5 – Ouse ser diferente

Ser criativo significa sair do normal. Você deve cultivar uma vontade de desafiar toda regra e todo pressuposto.

6 – Veja os problemas como oportunidades

Às vezes, a única diferença entre um problema e uma oportunidade é a palavra que você usa para descrever. Sempre que encontrar um problema, dê um passo para trás e pergunte como ele poderia ser uma oportunidade – para inovar, construir e melhorar.

A disciplina do pensamento criativo mudará você – e para melhor. Entenda que, uma vez que a mente expande para dimensões de ideias maiores, ela jamais volta ao seu tamanho original.

:: Pr. Ryan Adams