Encha o seu coração de alegria no Senhor para abençoar em 2012

Alegria a gente não expressa em uma frase apenas. Talvez até a memória de um dos mais incríveis e marcantes momentos que Deus nos possibilita viver – por sua infi nita graça – como o casamento, o nascimento de um fi lho, o emprego dos sonhos, a primeira viagem missionária transcultural, o crescimento da família com a chegada do primeiro
neto, enfi m, ilustrem melhor o máximo de alegria que já experimentamos na vida do que uma frase ou um texto.

E alegria é assim mesmo: intraduzível, inexplicável e paradoxalmente, muitas vezes conseguimos exprimi-la com um simples olhar, com um “obrigada (o)”, ou até com um aceno que as pessoas mais sensíveis percebem. E sensibilidade é um dom de Deus. Ao contrário do que o mundo prega, homens e mulheres precisam estar sensíveis à voz do Senhor, ao clamor do pobre, do preso, da viúva, do órfão. Com um discurso machista e preconceituoso, muitos lares têm gerado fi lhos (meninos e meninas) preparados para serem frios e duros. Isso, para que eles não se machuquem. Ledo engano. A força vem de Deus, a capacitação vem do Alto e a sensibilidade também procede do Pai. “Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém.” (Rm 11.36.)

Fato é que devemos estar sensíveis aquilo que Deus propõe ao nosso coração e também ao que Ele opera por meio de outras pessoas também sensíveis e obedientes à sua Palavra.
Vejamos o que a Bíblia diz em 2 Coríntios 9.6-11: “E isto afi rmo: aquele que semeia pouco pouco também ceifará; e o que semeia com fartura com abundância também ceifará. Cada um contribua
segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria. Deus pode fazer-vos abundar em toda graça, a fi m de que, tendo sempre, em tudo, ampla sufi ciência, superabundeis em toda boa obra, como está escrito: Distribuiu, deu aos pobres, a sua justiça permanece para sempre. Ora, aquele que
dá semente ao que semeia e pão para alimento também suprirá e aumentará a vossa sementeira e multiplicará os frutos da vossa justiça, enriquecendo-vos, em tudo, para toda generosidade, a qual faz que, por nosso intermédio, sejam tributadas graças a Deus.”

No último fim de semana, presenciei e fui, em conjunto com um grupo querido de colegas, alvo de uma materialização dessa Palavra. Ao decorrer de dois preciosos dias em um lindo lugar em meio às montanhas de Minas Gerais pude conviver com pessoas que além de conhecer também vivem essa Palavra. Eles aprenderam a dar e a abençoar ao próximo com alegria. Nisso, concretizaram a sublime experiência de segundo o que foi proposto em seus corações honrarem e abençoarem outras vidas. A Palavra diz que Deus ama a quem dá com alegria e ver essas mesmas pessoas que além de abençoarem também estavam verdadeiramente alegres, percebi que realmente melhor é dar do que receber. Melhor é partilhar o amor, a bênção, a provisão, a instrução do Senhor, a capacitação que vem dele. Enquanto me recordo desse fi m de semana inesperado, abençoado, que só foi possível por que alguém resolveu abençoar com alegria, recordome também que Jesus, por meio do seu sangue na cruz partilhou comigo e com você, que não merecemos, a maravilhosa graça de Deus. Eu também não merecia o fi m de semana incrível que tive, mas algumas pessoas obedecem e abençoam com alegria. Alegria essa que transbordou e alcançou a minha vida e de minha família.

Não sei o que está proposto no seu coração, não sei qual a sua situação neste dia, mas quero encorajá-lo(a) a agradecer pela provisão de Deus neste ano, pela possibilidade que o Senhor mesmo lhe concedeu em ser fi el nos Dízimos $ Ofertas em 2011. Que você possa trazer à memória aqueles que lhe abençoaram e até mesmo a orar por essas pessoas, e também, profetizar sobre essas vidas e sobre a sua própria vida a bênção do Senhor em 2012. Lembre-se que em muitas vezes que somos abençoados por Deus, alguém se dispôs para ser instrumento de liberalidade, doação e alegria em nossa vida. Que em cada feixe colhido você possa agradecer e celebrar ao nosso Deus pela bondade e misericórdia e em ação de graças retribuir semeando sempre com alegria.

:: Thalita Daher

thalitadaher@lagoinha.com