Nenhum Comentário

Fé perfeita em Deus

Fé é um dos temas que se escreve e se fala bastante, por certo inesgotável, já que dependemos tanto desta pequena palavrinha, em nossa caminhada cristã.

Uma é a fé que Deus nos concede para crermos em Jesus como filho unigênito, e alcançarmos a salvação; outra é a fé quotidiana, de um relacionamento entre Deus Pai, e nós, seus filhos; que nos leva a estatura de varão perfeito.

Mas afinal, qual é a fé perfeita em Deus?

Fé perfeita em Deus, é aquela que nos faz crer, sem que sejamos ajudados por nada que seja perceptível aos nossos sentidos, ou seja, nada me é favorável, mas creio e espero na providencia divina. Vejamos alguns exemplos bíblicos que ilustrará esta fé: 1- Hananias, Misael e Azarias, viam a fornalha acesa, sabiam da autoridade do Rei, tudo em torno a eles era negativo, porém, ao serem interrogados, responderam: “Eis que o nosso Deus, a quem nós servimos, é que nos pode livrar; ele nos livrará do forno de fogo ardente, e da tua mão, ó Rei” Dan 3:17 2- No cap. 27 de Atos, lemos que tudo era desfavorável para a embarcação que Paulo viajava; …não havia já muitos dias, nem sol nem estrelas, e caindo sobre nós não pequena tempestade, fugiu-nos a esperança de nos salvarmos. Ao final da dura prova todos chegaram à terra, a salvo. (vs. 20 e 44).

Se Deus nos dá sinais que fortalece nossa fé, sejamos imensamente gratos; porque o faz reconhecendo nossas limitações; mas se nos falta os sinais, não vacilemos, não quer dizer que Deus Se esqueceu de nós, pelo contrário, no momento justo, no tempo devido, virá nos socorrer, e concordaremos com Sua perfeita eficiência. Coragem irmãos, para alcançarmos o patamar da fé perfeita em Deus.

Heb. 12:22-23 “Mas chegastes ao monte de Sião, e à cidade do Deus vivo, à Jerusalem celestial, e aos muitos milhares de anjos: à universal assembléia e igreja dos primogênitos…”

Que bela compreensão, tinha o autor da carta escrita aos Hebreus: universal assembléia e igreja dos primogênitos. De fato, Deus sabe preservar em todo o mundo, a sua igreja. Paulo garantiu a Timóteo que “O Senhor conhece os que são seus.” E aconselha: “e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniquidade.”, pois esta é exatamente a característica do corpo de Cristo, estar longe de toda iniquidade. As fornalhas não venceram a Igreja; os terríveis atos das “inquisições” não eliminaram a fé dos verdadeiros cristãos; nem o tempo conseguiu apaga-la, como fez com tantos outros organismos humanos. Glórias ao Senhor, porque a Igreja continua viva, esperando o retorno do seu Noivo, que virá. Maranata.

Ora vem Senhor Jesus!.