Ele é antes de todas as coisas. Nele, tudo subsiste. Ele é a cabeça do corpo, da igreja. Ele é o princípio, o primogênito de entre os mortos, para em todas as coisas ter a primazia”. (Colossenses 1.17-18. ARA)

Acredito que um dos motivos pelos quais as pessoas perdem a paz e não conseguem o que querem é porque não tem as prioridades certas na vida. Há tantos projetos aos quais dedicarem seu tempo e atenção! Algumas das escolhas que fazemos são obviamente ruins e é fácil reconhecê-las como algo que devemos evitar, mas muitas das outras escolhas são boas. Contudo, mesmo coisas boas podem nos fazer errar e confundir nossas prioridades. O que é prioridade máxima para alguém pode representar um problema para nós. Precisamos ter cuidado para não fazer simplesmente o que todos os outros estão fazendo. Precisamos fazer o que Deus está nos guiando a fazer.

Quando estabelecemos nossas prioridades é importante entendermos que Jesus é o poder por trás de tudo de bom em nossas vidas. Por isso devemos dar a Ele prioridade máxima. Jesus é o que mantém tudo. Não há como um casal ter um bom relacionamento se Jesus não estiver unindo os dois. Na verdade, as pessoas não terão um bom relacionamento com ninguém se Jesus não estiver guiando-as e influenciando-as a se amarem umas as outras. As finanças são um caos sem Jesus. Nossos pensamentos são confusos sem o Senhor. Nossas emoções ficam fora de controle sem Ele.

Jesus é a cabeça do corpo da igreja; portanto, somente Ele deve ocupar o primeiro lugar em cada aspecto, ter a supremacia e a primazia em nossas vidas. Isso significa que, se Jesus não estiver em primeiro lugar em nossas vidas, então precisamos rever nossas prioridades.

Para adquirir outros textos como este, acesse o site da Bello Livraria.