Created with Snap

Notícias

A salvação é pela graça

Nenhum Comentário
Foto: Comunicação Lagoinha

Foto: Comunicação Lagoinha

Este é o dia que Deus fez. Cada hora deste dia foi planejada por Ele. Você sabia que a vida pode ser bela? A vida tem toda a sua beleza e você pode experimentar a cada amanhecer as misericórdias do Senhor que são renovadas sobre a sua vida.

Seguir a Jesus é uma aventura fascinante. É isso que ensinamos a cada membro aqui da Igreja Batista da Lagoinha. No ano passado, nós celebramos sessenta anos. Olhamos para trás e o nosso coração vibra de alegria ao vermos a bênção e o favor do Senhor. Em Mateus 16.24-27, está escrito:

“Então disse Jesus aos seus discípulos: se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz e siga-me; porque aquele que quiser salvar a sua vida, a perderá e quem perder a sua vida por amor de mim, a achará. Pois adianta o homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou o que dará o homem em recompensa da sua alma?
Porque o filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então dará a cada um segundo as suas obras”.

A salvação não é por obras, a salvação é pela graça. Ela é um dom de Deus, pois ninguém é salvo pelas obras. A Bíblia diz em Efésios 2.8-9: “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie”. A salvação que Jesus Cristo oferece ao homem é pela graça. Graça é tudo o que eu preciso, mas é tudo que eu não mereço. A salvação é de graça, mas existe uma coisa chamada “galardão”. Galardões são como se fossem medalhas. A salvação é igual para todos, não existe ninguém mais salvo ou menos salvo, nada disso. Contudo, galardão é recompensa. Sendo assim, precisamos tomar a nossa cruz.

É verdade que lá do outro lado não vai existir o pecado. Lá, ninguém vai ficar com inveja um do outro, nada disso vai acontecer. A cruz não é o sacrifício, a cruz é a vontade de Deus. Muitas pessoas não entendem o que seja a cruz. Alguns podem dizer: “Meu marido é minha cruz!”, “Minha sogra é minha cruz!”, “Meu chefe é minha cruz!”. Não é isso. A cruz é a vontade de Deus. E é uma escolha, você é livre para tomar a cruz. Muitas pessoas podem pensar assim: “Ah, pastor, se eu for como um cristão que a Bíblia diz, a minha vida não vai ter propósito! Eu não vou ter alegria, não vou sorrir…” Pelo contrário, Jesus disse: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá”. Ele nos deixou a vida, a sua própria vida. Sabe, é algo tão diferente aquilo que vem do Senhor! A vida só é vida quando vivemos dessa maneira.

E o que adianta o homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Infelizmente, tantas pessoas ficam no foco de ganhar o mundo inteiro. “Quanto mais coisas você tiver mais sentido a sua vida vai ter” – assim pensam. É verdade que você pode ter as coisas, mas as coisas nunca podem te ter. Tudo vai ficar aqui. A única coisa que você vai levar é aquilo que você recebeu de graça, pela misericórdia de Deus, que é a salvação. Aquilo que Jesus outorgou, aquilo que Jesus deu.

A salvação é pela graça, não é pelos seus méritos e pelas suas virtudes. Não é pelo fato de você ser um cumpridor de dogmas e doutrinas. A salvação é pela misericórdia de Deus.

:: Pr. Márcio Valadão