Created with Snap

Notícias

Somente Jesus pode enxugar tanta lágrima

Nenhum Comentário
Foto: Comunicação Lagoinha

Foto: Comunicação Lagoinha

Os motivos de choro são tantos, principalmente, pelo que aconteceu em nosso Estado, a tragédia em Brumadinho. Devemos chorar com todas aquelas pessoas, nos identificar com elas. Ajudar no que for necessário. Orar. Devemos fazer o que Jesus faria se estivesse em nosso lugar. Mostrar a elas que, mesmo em meio a tanta dor, tanto choro, tanta tristeza e revolta, existe uma esperança: Cristo voltará! E Ele enxugará toda lágrima. No Calvário, Cristo, como Cordeiro mudo perante seus tosquiadores, mostrou o que é amar, identificando-Se conosco, os pecadores.

Jesus Se identificou em plenitude conosco. Ele sabe quando e o quanto sofremos, porque Ele Se fez carne como nós, para que, hoje, não esteja apenas nos vendo sofrer, de braços cruzados, ao longe, sem fazer nada por nós. Ele Se aproxima, chora conosco e transforma o nosso choro em uma alegria grandiosa, pois “o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem ao amanhecer” (Sl 30.5). O amanhecer já vem, o sol da justiça nascerá sobre nós, sobre as famílias de Brumadinho; as trevas desaparecerão, o brilho e a alegria da face do Senhor contagiará a todos. Aleluia! Que nestes dias difíceis, dias maus, possamos mostrar as verdades do nosso Senhor a tantos que sofrem, choram. Mostrar que é possível alcançar a vitória do Senhor, reconhecendo que Jesus disse que enxugará dos nossos olhos toda lágrima, não apenas lá no céu, mas também aqui, na Terra.

“Há momentos em que as palavras não resolvem. Mas o gesto de Jesus na cruz demonstra amor por nós. Foi no Calvário que Ele, sem falar, mostrou ao mundo inteiro o que é amar. Aqui no mundo as desilusões são tantas, mas existe uma esperança: É que Cristo vai voltar.”

:: Pr. Márcio Valadão