Created with Snap

Vida Cristã

Desperte-se e faça a vontade de Deus

Nenhum Comentário

DevocionalO que mais fazemos na vida, depois de respirar, é dormir. O sono é necessário e bom, mas, em excesso, pode ser prejudicial (Pv 6.9-10). Dormir na hora errada e no lugar errado pode ser perigoso, pois ficamos totalmente vulneráveis. Isso nos alerta a respeito do sono espiritual, um estado de comodismo e indiferença que nos paralisa, impedindo que façamos a vontade de Deus. Enquanto dormimos, o inimigo age (Mt 13.25). A esse respeito, a Bíblia nos mostra diversos exemplos, literais ou simbólicos.

Is-Bosete foi assassinado, enquanto dormia ao meio-dia (2Sm 4.5-7). Era o sono da preguiça. Sendo príncipe, o filho de Saul recebera uma herança que dispensava qualquer esforço e trabalho. Contudo sua vida estava em risco, e o seu dinheiro não substituiria a vigilância. Is-Bosete dormia ao meio-dia. O tempo não nos espera. Enquanto dormimos espiritualmente, os dias passam e nada fazemos.

Jonas, a caminho de Társis, dormia no porão do navio (Jn 1.1-6). Era o sono da negligência ministerial. Ali estava um profeta que não profetizava, um servo que não servia. Enquanto os ímpios clamavam aos seus deuses, Jonas dormia. O capitão precisou sacudi-lo, dizendo: “Clama ao teu Deus!” Jonas acordou, mas não clamou, tamanha era a sua indiferença.

Mais trágica foi a experiência de Sansão, que dormiu várias vezes na casa de Dalila (Jz 16.19). Seu comodismo no pecado foi o caminho da morte. Êutico dormiu na janela, entre a luz e as trevas, e caiu do terceiro andar (At 20.7-11). As 10 virgens dormiram, enquanto esperavam o noivo, mas à meia-noite foram despertadas por um grito: “Eis o noivo, saí-lhe ao encontro” (Mt 25.1.14).

Deus tem várias formas de nos despertar, seja por meio de uma tempestade ou de um brado. Quando isso acontece, precisamos nos levantar imediatamente, ou seja, tomar uma atitude contra o comodismo, a preguiça e a negligência. Quando Deus nos desperta, tomamos consciência da realidade que antes não nos incomodava. Passamos a ver o que não víamos e sentir o que não sentíamos. Logo, podemos tomar decisões e agir. “Levanta e resplandece, pois já vem a tua luz, e a glória do Senhor vai nascendo sobre ti” (Is 60.1).

:: Pr. Anísio Renato de Andrade

  dayanecristina
Tags