Created with Snap

Vida Cristã

É nossa responsabilidade manter o fogo aceso

Nenhum Comentário

DevocionalÊxodo 40.1-16. Aquele local de culto era, antes de tudo, um projeto de Deus. Não foi feito de acordo com as ideias de Moisés, mas pela orientação divina. Assim devem ser as nossas vidas. Depois de confeccionar todas as peças do tabernáculo, Moisés colocou tudo no seu devido lugar: a arca, o altar de ouro, a mesa, o candelabro, a pia e o altar de bronze. A estrutura estava pronta, mas era importante que também houvesse o conteúdo de cada peça: o animal para o sacrifício, o sangue no altar, a água na pia, os pães na mesa, o incenso no altar de ouro e o azeite no candelabro. A arca deveria conter as tábuas da lei, a vara de Aarão e o pote de maná.

Os elementos de consumo constante deveriam ser providenciados pelos sacerdotes. Nada seria fácil nem automático. Como não havia delivery, sacerdotes e levitas deveriam buscar ou até mesmo produzir o que fosse necessário, como era o caso dos pães e do incenso. Com tudo isso aprendemos que nós também não podemos ser vazios. Nossa aparência não substitui a essência. Devemos buscar a purificação pelo sangue de Jesus e pela água da Palavra, para que sejamos cheios do azeite, que é o Espírito Santo.

Finalmente, o texto de Êxodo 40 nos diz que a glória de Deus encheu o tabernáculo. É a presença de Deus que faz tudo valer a pena. Só Ele pode colocar o fogo sobre o altar, mas é nossa responsabilidade mantê-lo aceso (Lv 9.24; 6.12).

:: Pr. Anísio Renato de Andrade

  dayanecristina