Created with Snap

Vida Cristã

Não seja sábio aos seus próprios olhos

Nenhum Comentário

Devocional“Não seja sábio aos seus próprios olhos…” (Provérbios 3.7a).

Como posso ser sábio (a) aos meus próprios olhos e não aos olhos de Deus? Isso acontece quando sigo com a minha vida da forma que penso, quero ou da maneira que preciso, e ainda acredito estar fazendo o que é certo. É quando digo que faço “isso” e “aquilo outro” porque acredito que esse é o jeito que as coisas devem ser feitas. Mas Deus olha e sabe [claro que sabe] que vou tropeçar, cair, me machucar; e que receberei as graves consequências de meus pecados. Se é assim, então porque não depositar toda a confiança em Deus e decidir andar de acordo com a sabedoria do Soberano? Quem é sábio aos olhos Dele evita o mal, o orgulho, a arrogância e a independência, e teme ao Senhor.

Ainda que algumas orientações na Palavra de Deus sejam difíceis de seguir, como amar o inimigo, ser paciente nas adversidades, viver em paz com todos, obedecer as autoridades e praticar o bem ainda que lhe façam o mal, precisamos confiar naquilo que nosso Pai nos pede diariamente pelo Espírito Santo. Por mais louco que pareça ser, precisamos ser sábios, negando o mundo e a nós mesmos, e abraçando a Cristo com tudo que somos. Com os olhos fixos em Jesus, que “…suportou a cruz, desprezando a vergonha, e assentou-se à direita do trono de Deus” (Hebreus 12.2), devemos lutar contra o pecado e correr com perseverança a corrida que Ele nos propôs, deixando para trás tudo que nos impede de correr (Hebreus 12.1).

:: Raquel Carsi

  dayanecristina