Created with Snap

Vida Cristã

Reforma Protestante

Nenhum Comentário
Foto: pixabay.com

Foto: pixabay.com

A Bíblia havia sido monopolizada por lideranças religiosas, de modo que as pessoas não conheciam a palavra de Deus. O texto das Sagradas Escrituras era convenientemente interpretado de acordo com interesses escusos destas lideranças. O resultado disto não poderia ser outro senão um povo enganado, sem qualquer noção do verdadeiro Deus de amor.

A igreja, à época, vendia espaços no céu, categorizava pessoas e disseminava mentiras. Ao estudar a Bíblia, Lutero percebeu que o temor de Deus havia se perdido e que era inadmissível manter-se silente.

Assim, no dia 31 de outubro de 1517, Lutero pregou na porta da igreja da cidade de Wittenberg as famosas 95 teses. O texto manifestava suas discordâncias das duras e equivocadas regras impostas pela igreja. O intuito deste grande homem de Deus, a partir desta exposição, não era fundar uma nova religião, mas resgatar a verdade de Deus.

Outra grande contribuição de Martin Lutero foi as 5 solas, que compreendem a base do cristianismo. São elas:

  • Sola fide (somente a fé)
  • Sola scriptura (somente a Escritura)
  • Solus Christus (somente Cristo)
  • Sola gratia (somente a graça)
  • Soli Deo gloria (glória somente a Deus)

Estes 5 pontos norteiam nossa maneira de enxergar o mundo e o nosso relacionamento com Deus.

É pela graça Dele que somos salvos do pecado. Nossa salvação não é consequência do que fazemos ou do quão bons podemos ser. A graça é o favor imerecido e que somente pode ser adquirido por meio de Cristo Jesus. A descrição desta graça está na palavra de Deus. Somente por meio da Bíblia conhecemos a verdade. Qualquer crença que contrarie seus dizeres não provêm de Deus.

Para viver esta realidade é preciso de fé. É necessário acreditar que Deus existe e que é galardoador dos que O buscam.

Por fim, a última sola diz respeito ao reconhecimento de que toda a glória pertence a Deus. Nós, pela sua graça, somos apenas canais usados por Ele.

Lutero pagou um alto preço por desafiar o sistema então vigente. Certamente não foi fácil viver em meio a perseguição e digladiar com os mais poderosos da época. Mas os resultados foram sobrenaturais.

As verdades bíblicas trouxeram mudanças sociais, econômicas e culturais. As sociedades tocadas pelo cristianismo experimentaram verdadeiras transformações, como a diminuição do analfabetismo, criação de universidades, hospitais, diminuição da pobreza e restauração da dignidade de mulheres, crianças e marginalizados.

Este é o legado deixado pela reforma protestante e que deve manter-se vivo. É inerente a nossa fé sermos verdadeiros protestantes contra a injustiça e tudo que se levante contra o Reino de Deus. A Bíblia diz que somos luz. A luz apenas brilha em locais escuros. Assim, a nossa missão se cumpre onde há carência da presença de Deus. E quando ela chega, a transformação é nítida e duradoura.

:: Flávia Raissa Said – Grupo de Ação Política – GAP

  ibl_site